PREVISÕES EMMYS 2015 – Melhor Série Dramática

A 67ª edição dos Emmys vai ser emitida este domingo dia 20 nos Estados Unidos (espera-se que por cá também), fruto de um ano que muitos consideram como corresponder ao apogeu da “peak TV”. Esta denominação vem da quantidade descomunal de séries originais, sejam elas grandiosos dramas ou hilariantes sitcoms. A oferta é tal que se espera ter mais de 400 séries transmitidas até ao final do ano, sem contar com live shows ou reality TV.  400!

É um número estupidamente exagerado, tanto para a inevitável repetição que nele se encontra, como para o número de horas (realisticamente falando) que um espetador comum de televisão tem para assistir aos seus programas favoritos. Não se fala sequer nos profissionais da área, que se vêm obrigados a perder de vista séries brilhantes como Mr. Robot por não estarem no radar geral do público.

Tal reflete-se nas nomeações para a categoria de Melhor Série Dramática, que comporta algumas escolhas ‘seguras’, ainda que desinspiradas, ao esquecer-se de completo da presença de The Leftovers ou da última temporada de Justified, que merece um lugar na lista mais do que outro ano de Homeland, aquela ovelha negra da qual já ninguém se lembra (e com razão).

Mas vamos lá às previsões, que é para isso que aqui estamos.

43242342342

Nomeados:

  • Better Call Saul (AMC)
  • Downton Abbey (PBS)
  • Game of Thrones (HBO)
  • Homeland (Showtime)
  • House of Cards (Netflix)
  • Mad Men (AMC)
  • Orange Is the New Black (Netflix)

7457474

Quem devia ganhar:

Apesar do número de espetadores continuar a aumentar a cada ano que passa, a quinta temporada de Game of Thrones deixou os veteranos insatisfeitos, funcionando como um interlúdio bamboleante da saga épica contada por George R. R. Martin. Há dois anos atrás seria a minha escolha, mas não consigo deixar de olhar para a despedida de Mad Men com uma lágrima no canto do olho, ou com um orgulho enorme pela temporada de estreia de Better Call Saul, a spin-off de Breaking Bad.

Por outro lado, a “swan song” de Don Draper e companhia foi trucidada a meio pelo canal americano AMC, pelo que a sua estrutura episódica não funcionou da melhor maneira. Acho que se lhe atribuísse o prémio, seria mais pelos 8 anos de qualidade incomparável, de personagens únicas e episódios maravilhosos que nos deu. Por isso prefiro a primeira temporada de Better Call Saul: afastou-se da sua série-mãe para nos contar a história de Saul sem reticências ou trava-línguas, e embalou mais golpes de estômago e momentos de pura emoção ao longo dos seus dez episódios que o resto das séries em nomeação.

Quem vai ganhar:

O terceiro ano de House of Cards continuou a busca pelo poder de Frank Underwood da melhor forma que sabe: com estilo, humor, e um dedo do meio à subtileza pretensiosa que caracteriza os seus pares dramáticos. É por esta mesma razão que não sei porque é que está sequer nomeada: o nome Kevin Spacey (e Robin Wright) soa mais alto que a qualidade da série em si, que apesar de divertida é uma mistela de episódios lentos e exagerados sem grande paciência para agradar ao espetador (não que isso seja necessário, mas pronto). Pelo prestígio dos atores, é uma escolha que agrada aos eleitores.

Fora isso, também vejo Mad Men a levar finalmente o prémio: como referido, esta sétima temporada não funciona como um todo coeso, mas os seus 8 anos de existência precisam de ser reconhecidos de alguma forma. Haverá algo melhor que lhe atribuir um Emmy? Ninguém ficaria triste, e seria totalmente merecido pelas derrotadas edições anteriores.

Anúncios

2 responses to “PREVISÕES EMMYS 2015 – Melhor Série Dramática

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s