7 Filmes mais antecipados de 2015

Escolher entre cinco a dez filmes para uma lista é tão arbitrário quanto preferir o ímpar sete que aqui ostento com orgulho, e se este ano só me trouxer sete novas entradas para a minha cada vez maior coleção de favoritos, então sou um homem feliz.

Gostava de ter nesta lista filmes destinados a arrebatar como a nova aposta de Quentin Tarantino, Hateful Eight, ou o já infame The Revenant de Alejandro Gonzalez Iñarritu, mas por lástima ainda não têm data de estreia em Portugal. Nem tão pouco o lindíssimo Macbeth de Justin Kurzel, que se não impressiona com aquele imaculado trailer de certo que o irá fazer assim que chegar às nossas salas de cinema.

Sem outras demoras, aqui ficam os meus filmes mais antecipados para o resto do ano.

1. As Mil e Uma Noites – Miguel Gomes

543632

Miguel Gomes refere-se ao épico empreendimento de realizar estas 6 horas de cinema cru como “se tivesse feito o Star Wars de uma vez”. Infelizmente, não há pais homicidas nem batalhas espaciais em As Mil e Uma Noites, mas aquilo em que o filme brilha é ao pintar o mosaico mais colorido e verdadeiro do Portugal contemporâneo.

Os 3 volumes que constituem este recontar aportuguesado do conto folclórico original (divididos em O InquietoO Desolado, e O Encantado) filtram a realidade do nosso país durante os anos de crise e da Troika num aglomerado de sketches ficcionados, unidos pela temática pungente de um povo desbaratado, à deriva.

A intenção de Gomes é clara, e as imagens belíssimas que compõe os capítulos do filme, e os capítulos dentro de capítulos, ilustram com poesia o dia-a-dia dos vários homens e mulheres de Portugal que se debateram com a carteira apertada, tesões infinitas, galos em tribunal e vacas raptadas. Um filme que todos devíamos correr para ver, antes de se perder do zeitgeist e de se tornar noutro blip do radar cultural.

Datas de estreia: 27 de Agosto / 24 de Setembro / 1 de Outubro / trailer aqui.

2. Perdido em Marte – Ridley Scott

546778

Matt Damon é o astronauta protagonista de Perdido em Marte, quase um ano depois de o termos visto e à sua fronha desonesta em Interstellar (2014). É que a ironia é brutal: Damon faz o papel de Mark Watney, um explorador espacial que fica preso em Marte após uma devastadora tempestade. Presumido morto pelos seus compatriotas terráqueos, Watney tem que aprender a sobreviver nos desertos alienígenas do planeta vermelho.

É bom ver Ridley Scott de volta à ficção científica (mesmo que esta passe mais pela aventura/ação do que pelo terror extraterrestre), e atendendo às imagens lançadas podemos ter a certeza que, no mínimo, vai ser um filme visualmente apelativo, e não só porque a Jessica Chastain também entra (outra emprestada do filme do Nolan).

Se Scott se ficar pelo minimalismo que a narrativa pede – man vs nature -, Perdido em Marte pode singrar como um sério contendor aos Oscars, e destacar-se pela positiva da maré de explosões que por aí anda.

Data de estreia: 1 de Outubro / trailer aqui.

3. Crimson Peak – Guillermo del Toro

61093

2013 trouxe-nos o melhor filme kaiju da década em Pacific Rim, um épico de ação robótica e visceral preso à sua admiração nostálgica pelos Godzillas de outrora, que acompanharam Guillermo del Toro na sua infância. Apesar do realizador mexicano ter feito carreira com blockbusters deste género, o seu coração pertence aos filmes de terror mais íntimos de que se tem afastado desde O Labirinto do Fauno (2006), a sua inequivocável chef d’oeuvre.

Felizmente, parece voltar a este estilo em Crimson Peak, que para além de contar com um elenco de luxo (Tom Hiddleston, Mia Wasikowska, Charlie Hunnam, Jessica Chastain!!), também promete devolver os calafrios horripilantes às casas assombradas.

Com arrebatadores visuais e o inesgotável olho para bichos nojentos de del Toro, Crimson Peak tem o potencial para ser o derradeiro filme de terror do ano.

Data de estreia: 22 de Outubro / trailer aqui.

4. 007 Spectre – Sam Mendes

64454363

Sam Mendes está de volta à cadeira de realizador para o novo filme do super-espião favorito das nossas mães. Esperem mais set-pieces de ação brilhantes e, acima de tudo, mais silhuetas! Este quarto filme do novo James Bond (protagonizado por Daniel Craig, o brit perfeito) desvenda finalmente a organização secreta que tem estado por detrás de muitos (se não todos) dos eventos criminosos dos filmes anteriores.

Como celebração, tudo parece estar a ser levado ao seu lógico extremo: não há uma, nem duas, mas sim três (!!) bond girls, e o vilão sem bigode está a cargo do impecável Christoph Waltz, inclinado para aterrorizar mais com o seu cavalheirismo do que com uma qualquer perversidade criminosa. Será interessante ver o que Waltz traz para o franchise, depois de vermos atores como Mads Mikkelsen e Javier Bardem a devorar cenário sem freio nos dentes.

Data de estreia: 5 de Novembro / trailer aqui.

5. Steve Jobs – Danny Boyle

6575675867

Se calhar a nossa mente coletiva já se esqueceu do génio bilionário da Apple que morreu em 2011, mas o mundo do cinema não. Apesar de Steve Jobs ter uma biopic no truncado Jobs (2013) – com Ashton Kutcher a “representar” -, terá agora outra no mais completo Steve Jobs, desta feita com Michael Fassbender no homónimo papel.

O mais intrigante deste novo filme de Danny Boyle (que nos trouxe favoritos de culto como Trainspotting (1996)), é o facto de dramatizar apenas três dos icónicos lançamentos de produto da Apple, em três fases distintas da vida de Jobs. A estrutura clássica é deitada ao vento em prol de algo mais experimental, e ter Boyle e Fassbender de volta aos nossos ecrãs nunca é uma coisa má.

Data de estreia: 12 de Novembro / trailer aqui.

6. The Good Dinosaur – Peter Sohn

54354364

A Pixar já lançou um filme original este ano, que primou por se distanciar das sequelas e prequelas que têm atormentado a produtora de filmes de animação nos últimos anos. E após um 2014 vazio de pérolas como o devastador Inside Out (2015), voltam à carga em Novembro com The Good Dinosaur.

O filme passa-se numa linha do tempo alternativa onde a Terra nunca foi atingida por um asteróide e os dinossauros nunca foram extintos. Arlo, o nosso protagonista Apatosaurus, perde o seu pai num acidente trágico, e numa das suas aventuras fora de casa encontra Spot, um curioso rapaz-das-cavernas. Resta saber se os senhores e senhoras da Pixar vão encontrar ouro duas vezes num ano.

Data de estreia: 26 de Novembro / trailer aqui.

7. Star Wars VII: A Força Desperta – J.J. Abrams

5346363

Nada do que diga poderá fazer jus a todo o entusiasmo que circunda a nova aventura espacial da saga catapultada inicialmente por George Lucas há quase 40 anos: Star Wars, posteriormente subtitulado A New Hope, foi lançado em 1977, e desde aí que a cultura pop nunca mais foi a mesma. Nerds nasceram, cresceram e morreram, e todo o estigma que se criou entretanto teve tempo para aparecer e se dissolver na aldeia global que é a internet.

Com um novo elenco e uma nova história, este sétimo episódio da mais famosa saga espacial de sempre tem tudo para correr bem, desde a buzz positiva que deixa diariamente os fãs da série em êxtase, ao realizador capaz em J. J. Abrams. Pelos trailers sabemos que acertou no tom da coisa, devolvendo a energia juvenil à descoberta de novos mundos, sem se deixar cair na nostalgia fácil que um cineasta menos competente utilizaria para disfarçar as insuficiências do filme.

Que se lixem as pretensões pseudo-intelectuais: nada me entusiasma mais do que saber ter um novo Star Wars à porta.

Data de estreia: 17 de Dezembro / trailer aqui.

Anúncios

2 responses to “7 Filmes mais antecipados de 2015

  1. Eu tento e realmente fico entusiasmada com todos os filmes que estão na lista, mas chego a Star Wars e creio que o meu cérebro sofre um overload de emoções que nem me deixa expressar lá muito bem. Essa última frase é tão on point!

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s